“Ser e Estar em Família no Contexto de Pandemia”

Bruna Kailany da Silva Leal do Vale, 16 anos – 2ºE.M – Setembro/2020. 


 

Percebi nessa pandemia que tive momentos com a minha família importantes para mim, coisas simples como ficar conversando, assistir um filme etc, pois às vezes não temos tempo ou não entendemos o valor dessas pequenas “reuniões de família”. Apesar de a quarentena ter pontos ruins, como o de não poder mais ter as aulas presenciais ou não poder sair e reunir a família, muitas atividades que eu não tinha tempo para fazer, conseguir realizar nesse período, ler um livro, estudar alguma coisa mais afundo etc. Vamos sair dessa pandemia com uma visão diferente, e talvez até com um autoconhecimento maior.

Alexia Mendes Munhoz, 16 anos – 2° E.M – Setembro/2020. 


 

A convivência com minha família sempre foi boa, mas foi apenas durante a pandemia que todos nós percebemos a importância da família. Já que, mesmo com tudo que estava acontecendo, todos os problemas que a pandemia desencadeou e com todas as pessoas que infelizmente a gente percebeu não serem da maneira que pensávamos, a única coisa que realmente prevalecia era a nossa família e o convívio que temos.

Yasmin Stienen Batista, 16 anos – 2º E.M – Setembro/2020. 


 

Produções artísticas

Isabella Gomes – 6ºA – Setembro/2020.


 

Miguel, 6ºA – Setembro/2020.


Nicolas Nadal Osga, 6ºB – Setembro/2020.


Samuel, 6ºA – Setembro/2020.


 

 

Yasmin, 6ºB – Setembro/2020.